Crenças de eficácia docente e suas origens

Crenças de eficácia docente e suas origens

Publicado em: 11 de junho de 2018


É crescente a realização de estudos com foco nas crenças de autoeficácia, especialmente no contexto educacional. As investigações têm evidenciado o papel mediacional que essas crenças exercem sobre o comportamento humano e qual a sua origem. Bandura postula a existência de quatro fontes: experiências diretas, experiências vicárias, persuasão social e estados psicofisiológicos. O presente estudo objetiva apresentar as fontes de constituição da autoeficácia docente à luz dos postulados de Bandura. Sugestões de futuros estudos são apresentadas ao final do texto.

 

Como citar este documento

IAOCHITE, Roberto Tadeu. Crenças de eficácia docente e suas origens. Psicologia, Ensino e Formação, Brasília, v. 5, n. 2, p. 81-102, 2014. Disponível em: <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2177-20612014000200006>.

 

Acesse o texto completo aqui

Comentários


Nenhum comentário até o momento.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*